7 curiosidades sobre a música

7 curiosidades sobre a música

Ouvir uma música que você aprecia pode trazer alguns benefícios como a melhora do seu humor. A música não é só uma forma de entretenimento, ela também ajuda a relaxar, bem como pode servir de estímulo para realizar atividades físicas.

O cérebro funciona de diversas maneiras, onde muitas delas ainda fogem da compreensão humana. Entretanto, podemos perceber que uma determinada música que gostamos pode mexer muito conosco.

Aqui está uma lista dos 7 curiosidades sobre a música que você vai gostar de conhecer e compartilhar com seus amigos.

7 curiosidades sobre a música

1. Os arrepios que você sente ao ouvir música são causados ​​principalmente pelo cérebro que libera dopamina enquanto antecipa o momento de pico de uma música.

Cientistas finalmente descobriram porque algumas pessoas têm "orgasmos na pele" quando escutam certos acordes. A dopamina é uma substância química do bem-estar liberada pelo cérebro. A reação química que temos a uma música emocionante é parecida com o que sentimos em fazer alguma atividade prazerosa, como a relação sexual, ou seja, uma injeção de dopamina que percorre o corpo.

2. Ouvir música durante o exercício pode melhorar significativamente o desempenho do seu treino.

A música ajuda a melhorar sua eficiência quando você vai à academia para o treino. Ao fazer exercícios, a música age como uma distração e, assim, desvia a mente do cansaço e do esforço, além de tornar agradável o exercício geral.

A música ajuda a animar o seu humor. Os pesquisadores descobriram que a música ajuda você a pensar em si mesmo e a escapar dos pensamentos negativos e, assim, potencializa seu treino .

3. Ouvir música regularmente pode alterar a mente

O cérebro tem uma brilhante capacidade de alterar seu tamanho ao longo do tempo, essas mudanças estão associadas ao aprendizado e ocorrem principalmente nas conexões entre os neurônios. Em um estudo feito com alguns músicos, foi descoberto que o volume do córtex era mais alto em músicos profissionais, mediano em músicos amadores e mais baixo em não-músicos.

4. A música afeta a maneira como você percebe o mundo

A música e nosso humor estão intimamente relacionados. Isso nos ajuda a mudar nosso humor, aumentar nosso foco e até nos motiva.

Pesquisadores da Universidade de Groningen descobriram que ouvir qualquer tipo específico de música, feliz ou triste, pode mudar a maneira como se vê o mundo. Isso não afeta apenas o seu humor em geral, mas também afeta a sua percepção.

5. Expectativa de vida

Um fato muito perturbador revelado pelo estudo de uma universidade sediada em Sydney que os astros do pop e do rock morrem muito jovens em comparação com as pessoas comuns.

O estudo deduziu que os músicos morrem até 25 anos mais jovens que a média das pessoas em geral. Eles também descobriram que músicos e astros do rock têm 10 vezes mais chances de morrer por acidente, suicídio e homicídio.

6. Existem poucas atividades na vida que utilizam todo o cérebro, e a música é uma delas.

Com a imagem por ressonância magnética funcional, uma equipe de pesquisa registrou um grupo de indivíduos que estavam ouvindo música. Eles descobriram que ouvir música recruta as áreas auditivas e emprega redes neurais em larga escala no cérebro. De fato, eles acreditam que a música pode ativar áreas emocionais, motoras e criativas do cérebro.

7. Musicoterapia

Como visto no 6º ponto, a música é um ótimo exercício para o cérebro e pode ativar todas as partes dele. A musicoterapia está sendo usada nos últimos anos para tratar diferentes condições neurológicas e provou ser muito útil.

É amplamente utilizada para ajudar pacientes com Parkinson e Alzheimer. Também pode ajudar os pacientes a recordar memórias pessoais, combater a depressão e a ansiedade.